terça-feira, 20 de novembro de 2012

GUIA DE LEITURA, PARTE DOIS




Anteriormente vimos um pouco da cronologia do Hulk nestes cinquenta anos de sua criação, mas como sabemos caminhar na mitologia do Hulk exige um certo empenho, portanto o presente texto tem a proposta de  continuar montando uma leitura cronológica do Gigante Esmeralda.

Depois dos fatos contados em Tales To Astonish 63 - 68 e Avengers 17. O leitor deve ler as edições 69 até 88 de Tales To Astonish. Essas revistas foram publicadas entre Julho de 1965 e Fevereiro de 1967. Algumas coisas importantes devem ser mencionadas sobre Tales To Astonish.


Na edição 69 o Hulk leva um tiro na cabeça e após ser salvo por Rock Jones (na edição 70) Banner passa a dominar a mente do Hulk, mas ele deve permanecer transformado no Hulk para que possa se manter vivo. Na edição 73 ele é operado pelo líder e é mandado para o mundo do Vigia.


No número 77 Rick Jones pensando estar Banner morto conta para Glen Talbot que  Bruce Banner é o Hulk, a partir dessa edição a identidade do Hulk começa a se tornar publica. Mais tarde na edição 80 Tirannus volta a dar as caras e posteriormente o Gigante Verde encara o Bumerangue. 


Depois disso, o leitor não deve ser a edição 89 de Tales To Astonish, pois a terceira edição da Amazing Spider-man Annual conta com a participação do Hulk e dos Vingadores e justamente nessa revista Bruce Banner conta para o Homem-Aranha que ele é o Incrível Hulk. 


Após ler o anual do Amigão da Vizinhança, a leitura de Tales To Astonish deve ser retomada, pois nas edições 89 e 90 o personagem conhecido como Estranho entra em cena e o Abominável faz sua primeira aparição. O arco de histórias é fechado na edição 91 com a derrota do Abominável e o Estranho leva o novo inimigo do Hulk consigo.

Continua em breve....

9 comentários:

  1. Não é a toa que a Marvel fatura tanto com sagas como Guerra Civil e Vingadores VS X-men, desde que o mundo é mundo a editora adorava colocar herói contra herói toda vez que se encontravam.

    ResponderExcluir
  2. Ótima "linha histórica", tá realmente me ajudando muito a compreender o verdão (especialmente quando chegar a dias mais contemporâneos, que aí a confusão começa mesmo, heheheh).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os dias atuais serão complicados para por em ordem.

      Excluir
  3. Ótimo texto, bem divertido acompanhar a história do verdão!

    ResponderExcluir
  4. João, eu gostaria e pedir a sua opinião sobre um tema que não tem muito aver com a sua post de hoje.
    Bom, recentemente eu tenho visto alguns filmes do Hulk como O Julgamento do Incrivel Hulk, ou A Morte do Incrivel Hulk (com o Lou Ferrigno). Gostaria de saber a sua opinião sobre estes filmes antigos, e se você acha eles melhores que os novos, ou pelomenos os atores. (por exemplo, qual o melhor hulk, ferrigno x bana x norton x ruffalo)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Witchhunter eu sempre gostei muito do seriado do Hulk, gosto muito da forma com Bill Bixby interpretou o Banner.

      Os telefilmes são bacanas. Eles tem suas limitações e o Thor e o Demolidor não ficaram lá estas coisas, mas nem por isso os filmes são ruins.

      Quanto a quem são os melhores, depois do Bill Bixby sem dúvida nenhuma o melhor é o Mark ruffalo.

      Excluir
    2. Sabe cara, eu baixei o julgamento e a morte do hulk. O Demolidor me parece ótim, me arrisco dizer que melhor do que o de 2003. Ja o que tem o Thor, o Retorno do Incrível Hulk, esta foda de achar, junto com como a fera nasceu e casado. Agradesso que você tenha me digo a sua opinião, gosto muito de discutir este tipo de coisas com as pessoas.

      Excluir
  5. Estás a fazer serviço público João!

    Não sei é como é que te vais desenrascar a partir de WWH. Começou uma enorme confusão de títulos. Eu queria ter continuado a partir daí, mas o sucesso foi grande em Planet Hulk e World War Hulk e a Marvel fez o que sabe fazer melhor: confusão!

    Sempre quero ver como irás fazer a cronologia do Hulk mais recente!
    :D

    ResponderExcluir